14 maio 2017

Scrapbook (2000)


Dirigido por: Eric Stanze
Duração: 95 minutos
Idioma: Inglês (Legendado)


O filme em sí é bem angustiante, já começa com sensação de medo pela vítima. Depois, a câmera mostra como se estivesse gravando de modo caseiro e, ao olhar da vítima, o garotinho, aliás o filme inteiro quis da essa impressão. Na cena mostra uma erotização da garota, mais para um assédio sexual com Leo, ao qual ela diz "vem aqui, ouça a sua irmã mais velha", mas não mostra o mesmo. E logo chega outro mais velho com uma garrafa na mão claramente alterado dizendo "eu disse para nunca foder nossa irmã" colocando a violência e a culpa contra o menino, estuprando o mesmo... Acompanhado de uma música e clima bastante triste. Então começa o roteiro com a vítima principal.

NÃO é um filme legal, NÃO é um filme divertido, pois NÃO é uma atitude certa, e tal filme infelizmente serve justamente pra retratar uma realidade cruel que ocorre com certas mulheres... Há quem diga "mas essas coisas não são teatro pra ser aplaudida, mas aí que tá, tais filmes não são aplaudidos com exceção de alguns indivíduos é claro, eles são pra colecionadores de cenas bruscas, tem gente que só vai atrás do que é difícil de se achar né, do que é "cult" "raro" "censurado" "banido" POLÊMICO hahhaha então, Confesso que sou a curiosa em pessoa.


Ao que parece toda a violência causada pelo violentador vem desde cedo, notável psicopata que havia apenas o vazio, dizia-se que era ignorado, ele monta seu próprio cenário, fala sobre mentiras, segredos de modo doentio, muito doentio! E a vítima, uma jovem linda, ouve tudo, ouve que ela é parte do time, como se fosse parte de um show e deveria estar agradecida, e ele um "homem poderoso". Enfim a violencia é gratuíta, por ser ter qualidade não tão boa, e gravado de modo a parecer as vezes caseiro, é possível que vá passando e algumas vezes se torne entediante, ao final há uma reversão na cena...E voce Descobre quem é o Leo. Clichê, para quem gosta do gênero, bom da uma conferida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário