01 junho 2014

Fome Animal (1992)


Título: Braindead (Original)
Dirigido por: Peter Jackson
Duração: 104 minutos
País: Nova Zelândia (Aotearoa)
Legenda: Português

Braindead é um clássico para todos aqueles que apreciam o cinema de "mau-gosto". Do principio ao fim, o filme é um festim de sangue,velhas moribundas, tripas, vômito, nojeira, sexo entre zombies e até procriação zombie! Mas para além de todas estas qualidades incomensuráveis o filme brilha também dentro do ponto de vista técnico: uma fotografia inventiva, boa edição, decors crediveis e atores que parecem cartoons vivos...



O filme mostra-nos a história de Lionel, um otário que vive controlado pela sua mãe viúva. Certo dia a mãe Lionel é mordida por um rato-macaco da ilha de Sumatra. O animalzinho em questão transmite o vírus da zombificação quando morde alguém...
A partir do momento em que a mãe de Lionel é mordida o filme é como um comboio fantasma através de um mundo bizarro: Pudim com sangue e pus, uma zombie a parir, um padre perito em Kung Fu, membros desfeitos em trituradoras, entranhas assassinas e claro: Zombies mortos com um corta-relva (cerca de 300 litros de sangue falso foram usados nesta cena).

Quando Peter Jackson realizou o filme(10 anos antes do LOTR) ele não estaria de certeza a tentar fazer um Casablanca, um Citizen Kane ou até mesmo um Couraçado de Potemkine, o que ele queria fazer era uma comédia nojenta sobre zombies, e nesse aspecto ele cumpriu o seu objectivo a 100%! È por isso que eu condeno aqueles que criticam este gênero por falta de valores morais e soluções construtivas, afinal de contas isto é um filme de zombies não é um drama social!

Um filme IMORTAL do cinema de terror, comédia, splatter e trash, “Fome Animal” é um dos filmes mais divertidos que você verá, com uma criatividade sem limites!

Nenhum comentário:

Postar um comentário